quarta-feira, 12 de março de 2008

Alguém me explique...

Será que alguém com formação nas áreas da psicologia, comportamento ou whatever me pode explicar o que passo a descrever?

Eu, como toda a gente ja senti saudades.
Saudades de familiares, de amigos, de praia, de comer um petisco qualquer...
Isto parece-me razoável. Familiares e amigos são os que sempre ou frequentemente nos estão próximos. Para um português que se preze, praia e barriga cheia por um manjar luso, também é motivo para, na sua ausência, nos deixar a salivar.

No entanto, sentir uma saudade quase doentia de uma cidade que fica a 5000km do nosso "habitat" natural e que, somando todos dias das oito vezes que lá estive não se atingir os 365, não me parece muito normal. Isto também atendendo ao facto de na ultima temporada que lá estive (quase 6 meses) ja estar desejoso por regressar a casa.
De facto tirando os primeiros dias após o meu regresso, sempre senti uma certa nostalgia por cá estar. Mas cá me ia aguentando. Hoje no entanto a minha amiga SCS colocou um cometário com um link de um blog de Montréal onde se referia o ter ocorrido mais um nevão na cidade.

Não é que desde que vi as fotos parece que se me aperta o peito com uma ansiedade enorme por regressar. É normal ? Estarei bom da cabeça? Como dizia o Variações. só estarei bem onde não estou ?



Credits: Blog Montréal Daily Photo

10 comentários:

Junta-te ao clube disse...

Como bom português que és: "estou bem aonde não estou, porque só quero ir a aonde não vou..."

Ass: Gattaca

Stardust disse...

Compreendo perfeitamente o que isso é...Vom á 6 meses de Manhattan e desde então o meu pequeno almoço é o habitual café com uma torrada, e o NY Times...muitas vezes a visitar o Google Earth e algumas outras a ver as fotografias que tirei...enfim...

O termoi em psicologia...nao tem...

Hydrargirum disse...

Isso é compreensível...eu tb sou assim....

Passei 4 anos no UK...e quando lá estava sentia saudade das coisas mais incríveis...Lisboa by night...das estradas...pastéis de Belém...dos centros comerciais abertos até à meia noite...

E quando voltava a PT...passado alguns dias...já eu andava cheio de saudades do UK...e da tudo subjacente à minha vida lá....

Por isso...subscrevo o teu, e meu, e do António V. "Só estou bem onde não estou!"

Faz parte da natureza Humana...Always craving for something...always missing something....

:)

SCS disse...

Em 1931, Fernando Pessoa,
em rasgo de génio reflexivo, publica:

“Minha pátria é a língua portuguesa.”

Guarda em ti o Portugal que te capacitou,
condicionou,
conquistou.

Mas jamais te limites às fronteiras mais antigas da Europa,
ou as queiras como fonte única de crescimento.

Em merecida perspectiva,
http://www.youtube.com/watch?v=Q8Tiz6INF7I

Absolutely no regrets :)
S.

Mikael disse...

Acho que as saudades só no fazem bem, permitem gaharmos perspectiva acerca de algo e ver os seus pontos fortes. Que tal agendares uma visita para breve a Montréal?

Anónimo disse...

Também eu tenho muitas saudades...
Mas desta vez perspectivo Estados Unidos :-)
C.

João disse...

Gattaca: Pronto explicado. Ou então não.

Stardust: É uma boa forma de "recordar". Mas não sei se me chega. Faltam-me os muffins de banana e chocolate, a tarte de maça, o café ao fim de semana no starbuck, o estar a 15min do trabalho....

SCS: Beijo :)

Mikael: Estou lá dentro de 2 semanas :) e por duas semanas :(.

C. : E qual é a solução ?

João disse...

Hg: Sem duvida. Mas custa né...

Mikael disse...

Parece-me que será uma boa oportunidade para matares saudades de lá e criares algumas de cá ;)

Depois traz-me um bocadinho de neve na algibeira hehe

Abraço

João disse...

Mikael: veremos se chega. Em 2 semanas só la fico 3 dias. :(